Em 2009 Katiúscio levou a esposa para uma pescaria despretensiosa em Barra do Cunhaú, naquela tentativa que todos nós, pescadores, fazemos com o intuito de despertar em nossas esposas o mesmo vício que nos domina.

Pois bem, transformou-se numa pescaria das mais emocionantes. Não sei se a tática do amigo deu certo, mas é fato que volta e meia ele agora tem uma nova companheira de barco.

Também, não é para menos... Vejam...